Casa Lar de Camaçari completa 2 anos

Casa Lar de Camaçari completa 2 anos

A primeira Casa Lar de Camaçari completou dois anos nesse mês de junho. A instituição faz parte do serviço de acolhimento para crianças e adolescentes e integra a Alta Complexidade do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) no município. A iniciativa é executada pela prefeitura, através da Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), por meio da Coordenadoria de Proteção Social Especial em parceria com a Organização Não Governamental Aldeias Infantis SOS Brasil, na modalidade Casa Lar.

Inicialmente, a unidade de acolhimento foi instalada em Jauá, na costa de Camaçari. O local tinha capacidade para até 10 crianças de ambos os sexos, de 0 a 17 anos, que estão sob medida protetiva por determinação da autoridade competente por se encontrarem em situação de negligência, abandono, afastamento do convívio familiar, garantindo aos assistidos a proteção integral.

Em abril do ano passado, a Casa Lar foi transferida para a sede do município, garantindo maior acesso aos serviços para as crianças e adolescentes acolhidos pela unidade. Desde a implantação da Casa de Acolhimento da Criança e Adolescente, em 2018, 19 jovens foram amparados, dos quais, oito foram desligados para reinserção familiar. As portas de acesso ao serviço se dão por meio dos Conselhos Tutelares, da Vara da Infância e da Juventude, do Ministério Público ou da Defensoria Pública.

Para este ano, já está em tramitação o processo de renovação e ampliação do serviço, que resultará na oferta total de 20 vagas.