Lula quer que candidatos do PT critiquem Bolsonaro

Lula quer que candidatos do PT critiquem Bolsonaro

Em reunião com integrantes do PT, na sexta-feira 6, o ex-presidente Lula pediu que os candidatos da legenda usem a última semana da campanha municipal para atacar os adversários ligados ao governo federal. E, claro, apontar falhas do presidente Jair Bolsonaro no combate à pandemia.

Alguns petistas lembraram que fazer oposição a Bolsonaro era o objetivo principal desde o início.

Por ordem de Lula, o PT não formou alianças e lançou um número recorde de candidatos próprios em capitais: 21, sendo 14 deles isolados em chapas puras e com poucas chances de vitória. A estratégia provocou críticas de outros líderes da oposição a Lula e ao PT.

A ideia do ex-presidente era aproveitar o horário dos candidatos para fazer a defesa dele, além de atacar Bolsonaro, mas a maioria decidiu contrariar a orientação e usar o espaço para apresentar propostas de governo.

Em reação, a direção nacional do partido a cobrar dos candidatos, duas semanas atrás, o realinhamento das campanhas de acordo com o plano inicial.

FONTE: REVISTA OESTE