Defesa Civil inicia a Operação Chuva

Defesa Civil inicia a Operação Chuva

Com o início do período chuvoso no mês de março, a Prefeitura de Camaçari, através da Defesa Civil dá início a Operação Chuva. Como estratégias para melhor atender as necessidades da população nesse período, estão o aumento do número de agentes por plantão, o levantamento dos materiais necessários para o operacional, e as vistorias dos lugares mapeados pelo órgão. Além de adotar estratégias de comunicação voltadas para o alerta de chuvas.

As primeiras visitas foram realizadas nesta quarta-feira (3/3) no bairro Jardim Brasília, que é um dos pontos que tem mais alagamento no município, na Gleba E, no Parque Verde I e no morro do São Vicente para verificar a possibilidade de deslizamento.

Após as vistorias, são emitidos relatórios para que a Secretaria da Infraestrutura (Seinfra) realize serviços, se for necessário, como limpeza de rios, córregos e bocas lobo para permitir o escoamento da água. Na Operação Chuva, em caso de grande necessidade, são acionadas as secretarias dos Serviços Públicos (Sesp) e do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), além de outras pastas.

O coordenador da Defesa Civil, Ivanaldo Soares, afirmou que o órgão está preparado, já tem o mapa de risco e está iniciando as vistorias. “Operamos ainda com a cobertura de morros em risco de deslizamento com lonas plásticas, como é o morro da Piaçaveira. Colocamos também lonas em casas de pessoas de baixa renda, que precisam de cobertura para evitar vazamento”. Ele destaca ainda, o trabalho de prevenção, realizado durante todo o ano, que além da limpeza, a Seinfra realiza obras de drenagem em locais de alagamentos identificados nas últimas chuvas.

O órgão ainda conta com a parceria da Defesa Civil de Salvador (Codesal) e a Cetrel, que tem pluviômetro, estações meteorológicas e dá condições de avisar à população, principalmente aos pescadores, sobre situações de mar revolto, por exemplo.

Para acionar a Defesa Civil e solicitar os serviços, a população pode ligar para o contato principal do órgão, que é 199, com custo gratuito e atendimento 24h. O cidadão conta também com o número fixo (71) 3622-7755 e o celular (71) 99981-3641.

FONTE: ASCOM CAMAÇARI