Cocam recebe visita de comandante da 59ª CIPM e subcomandante da RMS

Cocam recebe visita de comandante da 59ª CIPM e subcomandante da RMS

O município de Camaçari possui uma importante ferramenta tecnológica: o Centro de Operações de Camaçari (COCAM).  Com 842 câmeras em toda a cidade, a central de informação conta com serviços de alarme eletrônico, monitoramento urbano e vídeo embarcado. O setor funciona como uma plataforma integrada, armazenando dados e emitindo alertas que auxiliam na segurança preventiva, na melhor oferta de serviços públicos e na proteção de servidores e equipamentos públicos municipais.

Pensando em ampliar os benefícios dessa ferramenta para a população, a gestão municipal está com um projeto de extensão do COCAM, em parceria com a Polícia Militar. Esse alinhamento foi discutido na tarde de quarta-feira (12/02), no Centro de Operações, durante visita do comandante da 59ª CIPM, o tenente-coronel, Edmilton Ricardo, e do sub-comandante de Policiamento da Região Metropolitana de Salvador (RMS), o tenente-coronel, Adalberto Piton. A proposta é de ampliar a parceria com a polícia e expandir ações na Costa de Camaçari, proporcionando maior agilidade nos serviços de segurança para a população e oferecendo soluções preventivas de vigilância nos pontos turísticos.

A visita foi acompanhada pelo secretário de Governo, José Gama, pasta responsável pela gestão da unidade, e do secretário do Turismo, Gilvan Souza. O grupo foi recebido pelo coordenador da Central de Tecnologia da Prefeitura, Ricardo Trindade, pelo gerente municipal do COCAM, Neilson Dias, e pelo gerente de tecnologia da unidade, João Victor Menezes.

“O que a gente precisa é conscientizar as pessoas disso aqui, do investimento, da importância. Vou levar essa notícia para o comandante, que esse sistema é muito bom para nós. Fiquei encantado”, afirmou o sub-comandante de Policiamento da Região Metropolitana de Salvador (RMS), ten.-cel. Adalberto Piton. Uma amostra desse modelo de monitoramento integrado já foi testado e aprovado durante as duas maiores festas populares do município, o Festival de Arembepe e o Camaforró.

“Uma ferramenta como essa tem tudo a ver com o trabalho da PM”, defende o comandante da 59ª CIPM, ten.-cel. Edmilton Ricardo. Ele explica que através dos recursos apresentados é possível ter controle de território e ferramentas de geoprocessamento. “É possível aplicar as ferramentas de forma direcionada, onde os crimes estão acontecendo ou para acontecer, ampliar o monitoramento na Costa com controle de acesso nas localidades, com segurança preventiva e repressiva”, informa.

Já o secretário do Turismo, Gilvan Souza, destacou a importância do mecanismo para garantir a sensação de segurança nas localidades, o retorno da população para as áreas de lazer coletivas e para fortalecimento da Costa como destino turístico. “Além da mobilidade, infraestrutura e atrativos turísticos, a segurança também é um fator muito importante na hora de escolher um destino. Com a consolidação dessa ação integrada entre a Prefeitura e a Polícia Militar, tenho certeza que a população tem muito a ganhar com o bem-estar e o aumento do número de visitantes em nossa cidade”, destaca o secretário.

O sistema municipal implantado na gestão do prefeito Elinaldo Araújo, atende em especial escolas, hospitais e edifícios públicos; no entanto, a segurança também foi pensada, através de um trabalho em conjunto que será feito com a Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros, as Policias Militar e Civil, a Superintendência de Trânsito e Transporte (STT), dentre outras entidades.