Prefeitura faz vistoria em canais de Vila de Abrantes

Prefeitura faz vistoria em canais de Vila de Abrantes

Mesmo com o isolamento social para prevenção, a fim de evitar a propagação do novo coronavírus, a manhã desta quarta-feira (25/3), foi de muito trabalho para a equipe da Secretaria da Infraestrutura (Seinfra), quando prepostos da pasta fizeram vistorias em canais, localizados em Vila de Abrantes, na costa do município.

A visita foi necessária, pois com a forte chuva que ocorreu na madrugada desta quarta os canais transbordaram, causando alagamentos. A Defesa Civil, órgão vinculado a Secretária dos Serviços Públicos (Sesp), foi acionada e se deslocou até a localidade para atender os moradores da região.

De acordo com a Seinfra, a visita se estendeu para outros pontos de drenagem também em Vila de Abrantes. Ainda de acordo com a pasta, foram priorizados os serviços de limpeza e desobstrução de caixas de drenagem e de alguns pontos onde houve a fuga de material, por meio de um buraco da drenagem. Para os trabalhos mais complexos, técnicos analisarão a situação para elaboração de projetos específicos.

Vale ressaltar que, a prefeitura está atuando em diversos pontos do município, tanto da sede quanto da costa, e de forma preventiva realiza limpeza em vários canais. A ação está acontecendo de forma simultânea na travessa do Alecrim, Jardim Brasília em direção ao bairro Dos 46; trechos das ruas das Flores e do Toco, na Gleba E; Novo Horizonte; Parque Florestal; no Jardim Limoeiro; no Parque das Mangabas; em Pau Sul, Buris de Abrantes, Malícia e Fonte da Caixa, ambos em Vila de Abrantes; e no canal de Guajirus, em Jauá.

Ainda segundo a pasta, os serviços de limpeza passarão pelos canais do Nova Vitória; Phocs II e III; e Beco da Cebola, em Monte Gordo.

A limpeza é feita por meio de maquinários, a exemplo de retroescavadeira, escavadeira hidráulica e caçamba, que auxiliam na retirada e descarte de todo material recolhido, e/ou de forma manual para permitir mais fluidez à água, principalmente em dias chuvosos.

A proposta da gestão pública é intensificar e expandir o trabalho, de modo a alcançar todos os canais da cidade antes do inverno. Com isso, a Seinfra pede a colaboração da população para evitar o descarte irregular de lixo e entulho nas ruas, em áreas verdes, espaços públicos ou nas margens dos rios, já que este crime ambiental é a principal causa de alagamentos.