Prefeitura anuncia Cartão Merenda para alunos da rede pública municipal

Prefeitura anuncia Cartão Merenda para alunos da rede pública municipal

Visando garantir a, aproximadamente, 35 mil estudantes, que compõe uma rede pública municipal de ensino e como creches autorizadas, ou acesso à merenda escolar durante o período de suspensão das aulas - uma das medidas adotadas para impedir a disseminação de novos casos de doenças coronárias na cidade - uma Prefeitura de Camaçari anunciou, nesta quinta-feira (26/3), uma criação do Cartão Merenda.

A implementação desta iniciativa reconhece o quanto a alimentação escolar é importante para muitas famílias residentes no município, visto que é um complemento essencial nas refeições alimentares das crianças. O formato de concessão de benefício para cada aluno, por meio de seu representante legal, será emitido por um cartão magnético sem valor de R $ 45, mensais. Desta forma, o governo ainda visa evitar aglomerações e manter o isolamento social.

O Cartão Merenda será destinado exclusivamente à aquisição de mercadorias de gênero e poderá ser usado no comércio de bairro. Para além de garantir a alimentação dos alunos, o que é permitido de medida direta, garantir também a circulação de dinheiro no mercado interno em todo o município.

Para que ações são possíveis, o governo municipal investe uma quantia significativa, com recursos comprovados, sobre o valor mensalmente reembolsado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), que é de aproximadamente R $ 300 mil, uma vez que para o concedente ou benefício será necessária uma quantia superior a R $ 1,5 milhão, por mês.

O gestor municipal já determinou toda uma equipe envolvida nas medidas preparatórias para a efetivação do Cartão Merenda que soluciona todas as etapas burocráticas. Uma delas diz respeito à necessidade de que a Assembléia Legislativa da Bahia (AL-BA) reconheça e declare uma situação de calamidade pública no município, ou que já foi solicitada e espere efetivamente verificada no início da próxima semana.

O prefeito, Elinaldo Araújo, reiterou seu compromisso de cuidar dos mais necessários e manter as ações de enfrentamento no Covid-19. “Nossas crianças não ficam privadas da merenda escolar nesse período em que a suspensão das aulas se fez necessária. Continuamos trabalhando pela população de Camaçari e com um olhar especial para os clientes mais ”, comenta o gestor.