Centro de Enfrentamento ao Coronavírus de Monte Gordo começa a funcionar nesta segunda (6)

Centro de Enfrentamento ao Coronavírus de Monte Gordo começa a funcionar nesta segunda (6)

As ações estratégicas de combate à pandemia de Covid-19 em Camaçari vão ganhar mais um reforço a partir desta segunda-feira (6/4). É aquele que vive na costa do município, sintomático da doença, pode recorrer ao Centro de Enfrentamento ao Coronavírus instalado em Monte Gordo. O equipamento, montado ao lado da Unidade Básica de Saúde (UBS) da localidade de São Bento, recebeu na manhã deste domingo (5/4), uma visita ao prefeito Elinaldo Araújo.

O gestor municipal informou que outros cinco centros serão implantados: em Arembepe e Fonte da Caixa, na costa; e no Gravatá, Phoc's e Ponto Certo, na sede. “Estamos vigilantes e trabalhando incansavelmente para quem acontece no resto do mundo não atinja Camaçari de forma tão severa. Aqui, em Monte Gordo, será uma das bases de acolhimento e triagem de pacientes sintomáticos do município, para avaliação clínica e encaminhamentos ”, pontuou o chefe do Executivo.

O centro atua com uma equipe médica, composta por um médico, dois enfermeiros e três auxiliares de enfermagem. O funcionamento será das 8h às 19h, de segunda a sexta-feira. Com estrutura ampla, uma unidade com salas de espera; acolhimento; de procedimento; de medicação; de observação masculina, feminina e pediátrica; dois consultórios médicos; farmácia; banheiros masculino e feminino; recepção; gerência; almoxarifado; copa; áreas de expurgo, preparação e esterilização e depósito de material de limpeza; além da sala vermelha de estabilização do paciente crítico; sete leitos de observação e três de isolamento.

De acordo com o secretário de Saúde, Luiz Duplat, que também participou da visita, uma ideia da criação de centros de enfrentamento é separar o fluxo de pacientes com suspeita de coronavírus de pacientes com outras patologias para, desta forma, controlar ou contatar, como preconização do Ministério da Saúde. “Os centros de enfrentamento se uniram ao Centro Intensivo de Combate ao Coronavírus que será montado na sede, e será executado na estrutura da antiga Clirca para atender pacientes com sintomas mais graves, como falta de ar ou desconforto respiratório, dentre outros, e que precisarem de internação. Já os casos intermediários serão encaminhados para o antigo Hospital da Mulher, localizado no Parque Verde I, que foi recebido gratuitamente na prefeitura ”.

Segundo Tatiane Pires, diretora do Distrito Sanitário de Monte Gordo, dependendo da demanda, a unidade está preparada para ampliação da equipe médica. “O centro de enfrentamento foi planejado para receber os casos clínicos moderados de respiratórios sintomáticos, que apresentam características como coriza, dor de garganta, tosse, febre, que precisam ou não ficar em observação. Estamos preparados e equipados para ampliar o atendimento caso necessário ”.

O Centro de Enfrentamento ao Coronavírus funciona na estrutura que estava sendo montada para abrigar provisoriamente o Serviço de Atendimento ao Cliente (PA) de Monte Gordo durante uma reforma da unidade. Assim, em que fase crítica passar, ou receber local ou PA, para que uma reforma ocorra seja planejada e já anunciada pela administração municipal

Ainda gravou a visita ou o verificador Elias Natan e a enfermeira que coordenou o Centro de Enfrentamento ao Coronavírus de Monte Gordo, Priscilla Porto.