Prefeitura cria força tarefa para educar e fiscalizar população sobre o isolamento social

Prefeitura cria força tarefa para educar e fiscalizar população sobre o isolamento social

Diante da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Camaçari tem adotado medidas para prevenir e conter o avanço da Covid-19, bem como tratar as pessoas que tenham sido infectadas. Diante do descumprimento das normas estabelecidas nos decretos municipais, no que tange ao isolamento social das pessoas e do funcionamento do comércio local, a gestão municipal sentiu a necessidade de conscientizar a população sobre os riscos de aglomeração através de ações de fiscalização em toda a cidade.

Nessa perspectiva, será criada uma força tarefa, inicialmente, com caráter educativo e com foco na prevenção. Para alinhar as táticas de mais essa iniciativa e buscando traçar um planejamentoestratégico,o prefeito Elinaldo Araújo esteve reunido na tarde desta quinta-feira (15/5) com representantes de diversas secretarias municipais, que farão parte da fiscalização, além dos comandantes da Polícia Militar da sede e costa do munícipio. O encontro aconteceu na sala de reunião da Secretaria do Governo (Segov).

De acordo com o prefeito Elinaldo, a ação é preventiva e visa garantir à população uma condição de bem-estar e redução de risco num momento tão importante e delicado como o atual. “O que a gestão quer é mostrar para as pessoas a importância de cumprir o decreto e de manter o distanciamento social para o bem da saúde de cada um. Não queremos reprimir, nem coagir ninguém. Vamos usar de meios para fazer a população entender os riscos e as consequências do não cumprimento das medidas”, destacou.

O prefeito designou o comando da força tarefa ao diretor-superintendente da Superintendência de Trânsito e Transporte Público (STT) de Camaçari, coronel Alfredo Castro. Segundo ele, a iniciativa veio reafirmar a preocupação do governo municipal em trazer tranquilidade e segurança à população. “A determinação para as pessoas, é ficar em casa. Para alguns estabelecimentos não essenciais, é se manter fechados. No entanto, isso não está sendo cumprido. Vamos trabalhar em cima da prevenção, o que será feito na primeira fase de forma educativa. A ideia é mobilizar, ainda, as pessoas que não moram na cidade, mas transitam de forma pontual por aqui”, pontou.

O secretário da Saúde, Luiz Duplat, falou que a criação da força tarefa é uma ação de suma importância e que chega para somar com as demais já implementadas no município para enfrentamento ao novo coronavírus. “É público e notório que, por enquanto, a única forma de combater e evitar a disseminação da doença é o isolamento social. Vamos trabalhar para proteger as pessoas e manter o distanciamento social, pois, dessa forma evitaremos colapsar o nosso sistema de saúde”, ressaltou.

Os trabalhos da força tarefa serão realizados em conjunto com as secretarias do Governo, da Administração (Secad), e do Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur). No que depender de manter a segurança durante a ação, a 59ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) de Vila de Abrantes e o 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Camaçari darão suporte nos trabalhos.

Os comandantes das 59ª CIPM, o major André Luís Teodósio Presa, e do 12º BPM, o tenente-coronel Gabriel Neto, se mostraram mais uma vez dispostos a colaborar com as ações do governo. Recente, eles atuaram junto com a Secretaria do Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes) fazendo a segurança durante as entregas das cestas de Páscoa. De acordo com eles, foi um trabalho feito com organização pelos profissionais da prefeitura, o que tornou tudo mais fácil.

Durante o encontro, ficou determinada inicialmente as funções de cada órgão. Novas reuniões serão realizadas visando dar outras deliberações, a exemplo do início da ação na sede e costa do município.

Ainda participaram do encontro o secretário do Governo, José Gama Neves, o subsecretário da Secretaria da Administração, André Anilton, Abelardo Morais, coordenador da Fiscalização Ambiental da Sedur, o coordenador do Centro Comercial de Camaçari, Namuciés Souza, e o presidente da Câmara de Vereadores, Jorge Curvelo.