Unicamp 2023: entenda quem pode conseguir isenção na taxa do vestibular, como pedir e qual prazo

Unicamp 2023: entenda quem pode conseguir isenção na taxa do vestibular, como pedir e qual prazo


Prazo fica disponível aos candidatos entre 16 de maio e 7 de junho. Vestibular terá provas entre novembro e dezembro, e valor da inscrição subiu para R$ 192 nesta edição; veja cronograma. Estudantes durante Calourada 2022 da Unicamp
Antoninho Perri/SEC Unicamp
A Unicamp confirmou na tarde desta segunda-feira (25) que a taxa de inscrição do vestibular 2023 custará R$ 192, valor que inclui aumento de R$ 12 sobre o valor de R$ 180 da edição anterior. Por outro lado, a universidade estadual decidiu conceder até 150 isenções para estudantes que sejam bolsistas em escolas particulares, mas de famílias de baixa renda (até um salário mínimo e meio bruto mensal por morador do domicílio), além de três grupos já contemplados em exames passados.
O g1 preparou um passo a passo sobre quem pode solicitar, o período e de qual forma; veja abaixo detalhes. O vestibular terá provas em novembro e dezembro e as datas foram divulgadas nesta tarde.
Nesta reportagem você vai saber:
Quem pode solicitar isenção?
Qual o período para o pedido?
Como fazer?
Quais são os requisitos?
Quantas isenções a Unicamp prevê no vestibular 2023?
Quem pode solicitar?
Candidatos de famílias de baixa renda – até um salário mínimo e meio bruto mensal por morador do domicílio (6,6 mil);
Bolsistas em escolas particulares, mas de famílias de baixa renda (até 150);
Funcionários da Unicamp/Funcamp (até 100);
Candidatos dos cursos noturnos de licenciatura ou tecnologia (ilimitado);
Qual o período?
O prazo para pedido de isenção na taxa de inscrição do vestibular 2023 da Unicamp será entre 16 de maio e 7 de junho, de acordo com a comissão organizadora (Comest).
Como fazer?
As solicitações devem ser realizadas por meio do site da comissão organizadora, no prazo indicado.
LEIA MAIS
Unicamp 2023: vestibular terá provas em novembro e dezembro, e valor da inscrição sobe
Unicamp registra queda no desempenho médio em português, e alta para matemática
Unicamp tem queda de aprovados da rede pública, mas alta de negros
Quais são os requisitos?
Todos os candidatos precisam ter cursado o ensino médio integralmente em instituições da rede pública (não se aplica, contudo, à modalidade sobre os candidatos que planejam ingressar em cursos noturnos de licenciatura ou tecnologia) e ter concluído em 2022 o ensino médio.
A isenção também é destinada para os candidatos interessados no ingresso pela modalidade que considera as notas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como critério de avaliação.
Quantas isenções a Unicamp prevê em 2023?
O diretor da Comvest, José Alves de Freitas Neto, explicou que a universidade prevê ao menos 8 mil isenções. Na edição 2022, a Unicamp contabilizou 8,3 mil isenções de taxa do vestibular.
Cronograma
Inscrições e pagamento: 1 de agosto a 2 de setembro, com pagamento até 9/9/2022;
Prova de habilidades específicas – música: entre setembro e outubro de 2022;
1ª fase: 6 de novembro de 2022;
2ª fase: 11 e 12 de dezembro de 2022;
Provas de habilidades específicas: 4 a 6 de janeiro de 2023;
Divulgação da primeira chamada: 6 de fevereiro de 2023;
Matrícula online da primeira chamada: 7 a 9 de fevereiro de 2023;
Obras literárias
A lista de obras literárias obrigatórias no vestibular 2023 é a mesma do exame anterior:
“Carta de Achamento do Brasil” – Pero Vaz de Caminha;
“Niketche – uma História de Poligamia” – Paulina Chiziane;
“Tarde” – Olavo Bilac;
“Bons dias” – Machado de Assis;
“Sonetos escolhidos” – Luís de Camões;
Sobrevivendo no inferno” – Racionais MC’s;
“O seminário dos ratos” – Lygia Fagundes Telles (ficou de fora em 2021 após redução);
“O marinheiro” – Fernando Pessoa;
“A falência” – Júlia Lopes de Almeida;
“O ateneu” – Raul Pompeia;
VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região
Veja mais notícias da região no g1 Campinas.

administrator

Related Articles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *